Ciclos e fases

Não sei vocês mas eu, muitas vezes, me pego “travada” na vida. É quando as coisas simplesmente não acontecem! Você até idealiza, explora possibilidades mas não consegue ir em frente. Durante dias assim as coisas parecem mais difíceis e inalcansaveis. Os dias correm lentos e você permanece frustrada, com aqueles planos e projetos guardados.

Mas de repente o ciclo vira, e quando você percebe àquilo que antes era tão difícil de fazer se abre bem na sua frente. Nesses tempos as coisas acontecem com facilidade, afinal tava tudo bem ali. E, gera vida.

Eu estive pensando nisso tempos atrás e muitas vezes tento resolver essa equação na minha mente: porque não consegui fazer assim antes? Eu acho que é porque cada coisa tem um tempo certo para se revelar. Passamos a vida muito preocupados com os resultados e esquecemos da caminhada, de todo o processo envolvido nela. E é passando por eles que vivemos, crescemos e melhoramos. É um desafio pensar no processo, viver ele e esperar. Mas é muito necessário.

Eu resolvi escrever um pouco sobre isso para ter um registro de dias assim. E lembrar – no ciclo lento – que faz parte. Isso porque eu me cobro bastante quando percebo que era mais simples do que eu imaginava fazer determinada coisa antes. E sei la por qual motivo – ou, as vezes sabemos muito bem – não consegui fazer e me fecho para as possibilidades.

Acho que para dar a volta em fases assim é aprender a ser mais livre e criativo. Não ter medo de experimentar, não se importar tanto com a opinião das pessoas e  considerar que você não é perfeito. E isso é perfeitamente normal! É preciso um exercício de humildade. Sim, eu sei, coisa cada vez mais rara no mundo em que vivemos – onde tanta gente parece tão segura e cheias de si mesmas – mas, no fim meus amigos, estamos todos no mesmo barco e passando pelos mesmos ciclos e fases.

Se você é como eu e talvez está passando pelo ciclo lento. Seja corajoso! Olhe à sua volta, sonde as possibilidades e arrisque. Ou, espere! Não se cobre tanto, apenas viva o momento e aproveite as outras coisas que a vida está te dando agora.

Um abraço, seja abençoado :*

Continue lendo

Gerar

Reaprendendo a parir, aprendendo a nascer. Eu sou mística, acredito nos mistérios que Deus nos revela pouco à pouco através da sua criação. Fomos feitas mulheres, femininas, sagradas. Feitas para gerar, nutrir e amar incondicionalmente. Pouco à pouco nos reencontramos com nós mesmas, com a nossa essência… Através das coisas vividas e relacionamentos criados.

Amo pensar em como fomos feitos da mesma matéria e como tudo se conecta. Da ligação da mulher com a terra, de como seus ciclos dançam com os ciclos da lua. Perdemos muito de quem somos nesse mundo de fast food. Eu sou à favor de desacelerar, olhar à volta, perceber o simples e deixar a natureza seguir seu curso.

Ilustração inspirada com a proximidade do nascimento do meu primeiro filho (entre as luas do dia 9 ou 17 desse mês, creio eu!). Sobre gerar, nutrir e amar.

Gerar

Deixe seus comentários e boas vibrações! :)

* Se quiser compartilhar meus desenhos, me marque dando os créditos. Obrigada ♥

Continue lendo

Feminino Redimido

Alguns anseios nascem e morrem dentro de mim todos os dias, talvez, alguns apenas adormecem. Falar sobre o feminino, desenhar o feminino, pensar no feminino redimido sempre esteve em mim – cravado na minha história e vivências. Mas, nunca consegui expressar em palavras esses pensamentos e sentimentos tal qual como faz a Kamilla Domingues. Encontrar as palavras dela sobre esse tema fez reviver muitas coisas dentro de mim. E é através deles que nasce esse projeto sobre o Feminino Redimido, com uma série de textos e ilustrações que, em parceria, pretendemos desenvolver sem pressa mas, não despretensiosamente.


 

| Eva Caída e Redimida

eva01

Quando penso em Eva – essa mesma, a mulher de Adão, feita da costela do homem, que vivia no Éden – fico atenta a tudo que ela tem a me dizer. Cresci ouvindo sua história como algo tão pequeno, tão supérfluo, como um exemplo de desobediência, culpa. Sou grata, por todas as vezes que ouvi seu nome junto ao relato da Criação, mas como gostaria que mulheres mais velhas a minha volta tivessem escutado o que Eva tem a nos dizer, e tivessem me contado sua história com a profundidade, beleza e graça sem fim ali contida. Ouvir o que Eva tem a nos dizer, também diz respeito a comprometer-se em contar a outras mulheres o que se ouviu! E escrever esse texto, é parte disso.

Continue lendo

Paleta de cores

oamorcresceaqui

Eu acredito que as cores revelam coisas sobre nosso estado de espírito, influenciam do nosso bem estar e por aí vai. Nos últimos tempos, quando se trata de pintura e cores – minha paleta preferida tem sido roxo, lilás, majenta e azul. Procurei saber um pouco mais sobre cada cor, e ressaltei aí embaixo o que mais me chamou atenção:

ROXO (deriva do Latim russeus, “vermelho-escuro”)

♥ É a cor da magia, do feminino e da teologia;
♥ Reflexivo e místico;
♥ Pode promover sensações de tristeza e melancolia;
♥ O roxo é muitas vezes associado com realeza, nobreza, riqueza, espiritualidade em todo o mundo;
♥ No catolicismo, significa a piedade e a fé;
♥ O roxo realmente é a cor dos originais, das pessoas criativas e inconformistas;
♥Associada a criatividade;
♥ É calmante e está ligado à intuição e espiritualidade;
♥ Dizem que as pessoas criativas e excêntricas são atraídas justamente por esse tom, por ele ser tão original;

Continue lendo

Como eu estudo | Autodidata

SONY DSC

Oi gente, tudo bem?

Eu nunca parei muito pra pensar em como eu aprendo as coisas, porque pra falar a verdade eu sou bem desorganizada. Acho que na maioria das vezes é bem instintivo, aprendo muito observando os outros fazerem e, é assim que tenho focado meus estudos ultimamente. O “meu jeito” de fazer as coisas sempre passou desapercebido, mas agora assuntos como “processo criativo”, por exemplo, tem chamado minha atenção. Com base nisso, destaquei os principais pontos que tem sido importantes para mim na hora de aprender alguma coisa.

Continue lendo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...